Implante Hormonal

IMPLANTE HORMONAL

1Como é feito o implante hormonal?
Nessa opção de reposição hormonal, os hormônios são implantados diretamente no tecido subcutâneo, por meio de uma cânula, após uma anestesia local, em ambiente próprio e esterilizado tornando-se praticamente indolor . Esse método permite a liberação hormonal de maneira segura, prolongada, gradual e uniforme.
2Quais hormônios podem ser implantados?
Várias substâncias podem ser implantadas, incluindo testosterona, progesterona, hidrocortisona, estradiol, gestrinona, estriol, tadafila, NADH, vitamina D, anastrozol, HCG, entre outros.
3Para que serve os implantes?
Vai depender da finalidade que se pretende alcançar. Os mais indicados são: reposição hormonal nos períodos do climatério, menopausa e andropausa. Outras finalidades são: contraceptiva, prevenção e tratamento de TPM, endometriose, ovários policísticos e enxaqueca pré-menstrual.
4Quais os benefícios do implante hormonal?
Ele pode útil no aumento da libido, perda de gordura corporal, fortalecimento ósseo, além do ganho de massa muscular. Os implantes hormonais podem trazer mais disposição, produtividade, bem-estar e felicidade para a vida de quem recorrem a esse tipo de terapia de modulação hormonal. Eles são eficazes na diminuição dos sintomas da TPM e da menopausa, redução dos desconfortos típicos das oscilações hormonais, além do combate ao estresse, fadiga, e as variações do humor.
5Implantes hormonais auxiliam na beleza feminina?
Eles podem sim, interferir positivamente na estética, já que melhoram a aparência da pele, através da regulação dos hormônios. Com os hormônios implantados a pele tende a ficar mais jovem, firme e hidratada, havendo uma redução da flacidez e ressecamento. Para potencializar os benefícios da terapia hormonal, é indispensável adotar um estilo de vida saudável e equilibrado, incluindo alimentação saudável, sono de qualidade, prática de exercícios e consultas médicas regulares.
6Toda mulher pode fazer reposição hormonal via implante?
De modo geral, porém, é fundamental passar por uma detalhada avaliação médica, a fim de garantir uma reposição segura e eficaz, minimizando assim eventuais efeitos adversos.